Ir para conteúdo

O mapa afetivo de Ipanema

Fotos:
|
Texto: RIOetc

Fotos: Tiago Petrik

Em ritmo apertado durante a semana ou com passo leve nas horas de folga, Ipanema é pra ser feita a pé. A Marina Lamounier está entre as escolhidas para representar o bairro, no concurso do Globo que renova o posto de garota de Ipanema. Como boa representante, conhece o bairro como a palma de sua mão e nos abre segredos e clássicos amados ipanemenses:

Farme de Amoedo – Vista, simpatia e bom corte
Onde fica o ateliê do seu cabeleireiro, o Vini Kilesse.

Maria Quitéria – Dos clássicos aos exóticos
No 2º andar, do número 62. O nome é brechó Second.

Praça Nossa senhora da Paz – O velho e o novo
A banca Cena Muda e seus tesouros por preços incríveis.
E as novidades dentro da Galeria Secreta. Destaque para as joias de animais de porcelana, da francesa Nach Bijoux, vendidas na loja Spariam.

Nascimento Silva e Redentor – Rotas alternativas
Mudar o caminho de todo dia, escolhendo ruas menos povoadas e mais arborizadas.

Calçadão – Experiência antropológica
Domingo, fim de tarde, água de coco. Para além do programa turista, sentar e observar o movimento é das atividades favoritas da Marina, que vê nos personagens de Ipanema o melhor que existe no bairro.  

Comentários