Ir para conteúdo

Sob coqueiros

Fotos:
|
Texto: RIOetc

Fotos de Tiago Petrik

Quer saber onde a gente foi recarregar as baterias? Então segue a gente nessa viagem que começa hoje e vai até amanhã, com algumas fotinhos do clima acolhedor e do cenário paradisíaco de Boipeba! Pra quem quiser localizar no mapa, a ilha fica nas águas quentes da Bahia, ao sul de Morro de São Paulo e ao norte de Itacaré e Barra Grande. E, melhor de tudo, preserva bastante da natureza selvagem local. Como você vai ver nas fotos, a gente se acabou de tanto pé na areia e água de coco na cabeça!

Uma verdadeira selva de coqueiros faz a frente marítima. O único cuidado a se tomar (além dos insetos e outros bichos, é claro!) é escolher uma sombra fora de alcance de algum coco maduro. Se cai na cabeça, já viu, né?

E não é nada raro topar com fazendas ou sítios em que os coqueirais ocupam boa parte da pastagem.

Nesta época do ano, chove muito pouco em Boipeba e região. Às vezes, cai uma água suficiente apenas para refrescar, sem que o sol deixe de brilhar ao mesmo tempo. E, como qualquer criança sabe, chuva e sol produz arco-íris… Esse aqui de cima enfeitou uma tarde na Praia da Coeira, uma das que a gente visitou – e sobre a qual a gente ainda vai contar mais em breve.

Os coqueiros desse por-do-sol já são do outro lado do Rio do Inferno, o que divide a ilha de Boipeba da ilha de Tinharé – onde fica a famosa vila de Morro de São Paulo. Com um pouquinho de esforço, você pode perceber que tem uma galera numa canoa, no meio de uma pescaria. E a gente ainda vai falar bastante sobre os frutos dessas pescarias. Uma delícia!

E, finalmente, a última foto desta leva mostra um coqueiro sob as infinitas estrelas que enfeitam o céu de Boipeba. Pra quem entende um pouquinho de fotografia, essa foto foi feita com o diafragma bem aberto e com uma exposição de 30 segundos (a máxima possível pra quem estava sem tripé nem disparador remoto). A árvore foi iluminada por uma lanterna, e tá tremida assim por causa do vento. Dá pra ver também discretos riscos das estrelas, que mostram o breve movimento da Terra no tempo que durou a foto. Bom, vai curtindo por aí essas imagens que daqui a pouco a gente mostra mais um pouco sobre o lugar e seus habitantes, tá? Amanhã a gente também vai dar dicas de como chegar e onde se hospedar por lá. Inté!

Comentários