Ir para conteúdo

Ontem, no Globo; breve, nas livrarias!

Fotos:
|
Texto: RIOetc

 

Pra quem perdeu o jornal de ontem, a gente reproduz aí a boa nova que a gente boa Cleo Guimarães contou no Segundo Caderno de ontem: vem aí “A carioca”. Quando a gente conheceu “A Parisiense”, no fim do ano passado, na mesma hora se ligou que podia criar uma versão com sotaque local. E eis que a moça começa a ganhar corpo (dourado do sol de Ipanema…), e em breve vai aparecer por aí, toda-toda, nas melhores livrarias! Por ora, fiquem com o minicapítulo que a gente escreveu a pedido da Cleo, sobre “Os 10 mais nos armários das meninas do Rio”:

1 – O vestidinho branco. Foi comprado pra festejar algum réveillon, mas agora passeia muito, todo faceiro: da praia, com chinelinho, à festa e ao cinema, com bota.

2 – All Star de cano médio, modelo Chuck Taylor. Pau pra toda obra.

3 – Short jeans. Desbotado, amassado, bem usado, cheio de história.

4 – Itens artesanais. Pode ser um acessório ou um vestido à la Chiquita Bacana, mas é algo único, feito por uma amiga com dotes artísticos ou garimpado em alguma viagem.

5 – Saião longo e estampado. Talvez uma nostalgia  tropicalista coletiva, dos tempos das Dunas de Gal. Fato é que a carioca ama o gosto da liberdade de passear dentro de uma saia longa, dançante e feliz.

6 – Legging + cardigã comprido de tricô. Combinação clássica. É só chegar a primeira frente fria do outono que essa dupla sai do armário.

7 – A Bolsa mole. Vale lona, camurça, crochê e tapeçaria. Se molda ao corpo e tem toque agradável, quentinho. Como a carioca que não vive sem contato e sem abraço não amaria esse item?!

8 – Camisa roubada do namorado, de cor clara. Fica ótima se for fechada ou aberta sobre um regata boba. Companhia inseparável: o tal  short jeans cheio de história…

9 – Sandália rasteira. Instituição nossa. A carioca coleciona.

10 – Biquíni cortininha. Simples. A parte de baixo é de lacinho, geralmente de tamanho médio. O importante é que seja confortável, pra que não atrapalhe a carioca em suas muitas atividades ao longo de um dia na praia. Dá pra pegar sol ou jogar frescobol e altinha sem mudar o dress code.

E aí, concorda com a listinha?!

Comentários