Ir para conteúdo

Alô, criançada!

Fotos:
|
Texto: RIOetc

Foto: Tiago Petrik

[DJ Gala/Pitada]

Nesta época do ano, com o Natal se aproximando, vivemos a correria, estresse e também a curtição de comprar e trocar presentes com os colegas de trabalho, amigos e família. As crianças inspiradas pelo mito do Papai Noel são as que vivem mais intensamente este período eufórico.

Mas criança eufórica e cheia de energia tem o ano todo, seja para aquele passeio no parque, no mergulho em tarde de sol quente ou na festinha do playground do melhor amigo. E pra deixar o encontro entre pais e filhos ainda mais colorido é que “A Carioca” pensou num capítulo musical pra divertir todos ao mesmo tempo.

Pra começar, um arranjo bem lúdico em “Anjo da Guarda” elaborado pelo trio Carlinhos, Marisa e Arnaldo em Os Tribalistas. A Renata queria muito “Leãozinho”, e fui encontrar no Beirut para o CD Red Hot + Rio 2 a versão perfeita para o sucesso de Caetano. Daí quatro canções em sequência encartados em discos voltados para as crianças, mas que os adultos adoram: “Todos Estão Surdos”, versão do Pato Fu no disco Música de Brinquedo, o clássico “O Pato” em Partimpim Tlês, por Adriana Calcanhotto, Mart’nália comportada em “Batuque na cozinha”, composição do pai, e “Tum tum tum”, com Roberta Sá, do disco Forró pras Crianças.

Chicas, Bebel Gilberto e Andreia Dias estão aqui, canções de adultos em tom infantil e que agradam a qualquer coração. Marisa Monte aparece na versão de “Magamalabares”, de 2001, e Adriana Calcanhotto novamente cantando o clássico “Lindo Lago do Amor”, composição de Gonzaguinha. Do último disco, ÔôôÔô, Thaís Gulin traz “Ali sim, Alice” na companhia de Tom Zé – uma pequena homenagem para minha afilhada Alice.

Pra fechar, “Heads Up”, da trilha sonora do encantador “Where the Wild Things Are”, de Karen O e Harry Belafonte na clássica “The banana boat song (Day O)”, trilha do filme “Beatle Juice”, mas que nos meus arquivos também faz parte da trilha da Rádio Corsário – O som da galera Vamp. A molecada adorava as caretas de Vlad e seus vampiros…

Pra continuar se divertindo, procure o QR na “A Carioca” e solte as crianças no salão.

Comentários