Ir para conteúdo

A moda como linguagem de arte

Fotos: Tiago Petrik
|
Texto: RIOetc

A moda como linguagem de arte. É assim que o Gustavo de Carvalho, diretor criativo, enxerga seu trabalho na área. Há seis anos formado em Tecnologia em Produção do Vestuário pelo SENAI CETIQT, hoje ele acumula experiência em desfiles e prêmios nacionais e internacionais. “Desenvolvo performances, esculturas, instalações, faço figurino para filmes e TV, visto artistas, trabalho com roupa sob medida e sem grandes repetições. Meu trabalho é feito integralmente por mim, desde o início do processo da pesquisa de material e formas, passando para a modelagem, corte, costura e beneficiamento. Faço pintura, grafite, bordo”, conta Gustavo.

Tudo isso se desenvolveu à base de muito esforço pessoal e aprendizado profissional. “Quando estudava, eu ainda não havia me entendido como artista ou muito menos o que eu queria falar com tudo isso, mas ter tido o suporte do SENAI CETIQT me ajudou e ainda ajuda, pois aprendi a tirar do papel minhas ideias e dar vida às minhas criações, por mais complexas ou conceituais que sejam. Os professores me diziam muito que se eu queria ser um bom profissional não adiantava eu desenhar e ser criativo  se eu não soubesse eu mesmo sentar e fazer aquilo que estava pensando. Isso fez com que eu pudesse ter as ferramentas necessárias para correr atrás daquilo que almejava.”

E, pra colocar a mão na massa e tirar os sonhos do papel, é necessário suporte material. “O SENAI CETIQT tem uma estrutura completa para preparar qualquer um para a realidade de uma grande fábrica, até o atelier mais cool e descolado do momento. Ter estudado modelagem me ajudou muito no trabalho que desenvolvo hoje, tenho essa linha de construção que é orgânica e híbrida, e conhecer os processos e técnicas otimiza meu tempo na hora de cortar e de montar a peça”, explica Gustavo. As experiências lá dentro foram formadas não somente pela estrutura de equipamentos, como pelo relacionamento com professores. “A professora Antônia não desistiu até que eu aprendesse a costurar, o professor Rogério compartilhou sonhos comigo para que eu não desistisse dos meus  e o professor Flávio sempre me lembrando que na moda precisamos ser fortes.”

Pra quem se animou com a história de vida e carreira do Gustavo, pode se inscrever pro vestibular do 2º semestre do SENAI CETIQT aqui! Tem vaga pra Engenharia Química, Design Habilitação em Moda e Tecnologia em Produção de Vestuário. Vai até dia 12 de julho, aproveita! 

Comentários