Ir para conteúdo

Trabalho e diversão, juntos e misturados

Fotos:
|
Texto: RIOetc

_DSC8916ok _DSC8919ok

Fotos: Tiago Petrik

Você também é um entusiasta da economia criativa? Então já tem um programa, e que programa!, neste sábado (17). O festival Nex Rio marca a chegada do curitibano Nex Co-working à Cidade Maravilhosa – “um ecossistema de conteúdo, trabalho e entretenimento”, segundo define o designer Guto de Lima, um dos sócios do local.

O prédio de 2.400 metros quadrados, vizinho à Vila Aymoré, na Glória, acaba de ficar pronto, e já foi ocupado parcialmente por cerca de 7o pessoas de 20 empresas. Na capital paranaense, a turma se estabeleceu há quatro anos; lá, 500 co-workers de 200 empresas ocupam um clube da década de 30. Depois do Rio, o plano é expandir os negócios Brasil afora, a começar por São Paulo.

No festival, os debates vão durar quatro horas – 950 pessoas já fizeram suas inscrições para ouvir as 12 palestras (sempre três simultâneas, nos auditórios do prédio). Entre os vários “fornecedores de conteúdo”, Perestroika, School of Life, Goma e Sistema B. A nossa Renata Abranchs também vai dar uma palinha sobre o movimento #feitonobrasil, comandado por ela. “O Nex é só a plataforma, o evento vai ser comandado pelas marcas locais”, diz Guto, grato à boa recepção que tem tido dos cariocas. Depois dos debates (a programação tá aqui), a partir das 19h, começa o birináite. Vários DJs e artistas performáticos estarão por lá. Vale muito o confere, especialmente se você acredita, como a gente, que trabalho e diversão têm que andar sempre juntos e misturados.

Comentários