Ir para conteúdo

Diana, latinoamericana

Fotos: Tiago Petrik
|
Texto: RIOetc

@dianalogica

Senta que lá vem história daquelas gostosas de ler! A Diana (ou Di) é agora parte da equipe rioetceterense. Nossa loja abriu e já conta com toda a simpatia e esse sorriso que amolece qualquer um que entra. De Belém do Pará, a Di tem parte da família de El Salvador e cresceu com toda essa influência latinoamericana tropicaliente! Aos 11 anos, ela teve a primeira “crise” com a fotografia. Decidiu, ali, que seria fotógrafa e ganhou câmeras todos os anos de presente dos pais. Na faculdade de publicidade, teve sua segunda crise: precisava tornar a fotografia sua profissão. Foi então que ela abriu com o sócio a Gotazkaen, estúdio de design e fotografia que chegou a ganhar prêmio da Funarte. A vida às vezes dá aquelas voltas de filme, sabe? E a Di se viu em uma nova fase aos 29 anos. Largou tudo por lá e veio pro Rio no ano passado, de mala e cuia, literalmente. Hoje, além de trabalhar aqui na nossa loja, ela tem a Dianalógica, sua marca de restauração e revenda de câmeras analógicas. Também dá cursos – por aqui e lá em Belém – e começou a fazer cobertura de casamentos. Tanto que se animou e… vai casar! A festa fica pro ano que vem, por enquanto, só sorrisos.

Comentários