Ir para conteúdo

Por dentro da Farm! (2)

Fotos:
|
Texto: RIOetc

Fotos: Tiago Petrik

Hoje a gente segue viagem pelo doce mundo da Farm: uma fábrica em São Cristóvão que dá mesmo a sensação de que aquilo ali é um lar, doce lar.

Nossa parada da vez é na biblioteca – um lugar que pode ser de encontro, descanso ou pesquisa. Um varal com as últimas e mais importantes revistas fica num cantinho, pra quem quiser folhear. A mesa enorme e branca convida todos a sentar. No fundo, um acolhedor ambiente à parte tem a parede azul, como se fosse sua casa de praia. E uma pequena cantina serve salgadinhos e doces pra quem não se contenta em saborear as páginas!

Pelas prateleiras, tem todo tipo de arte, lembranças de várias viagens: latinhas com sabores da África e do Oriente; matriuskas; um ferro de passar antiguinho; uma bicicleta com pedaços de lata e arame; um LP original da “Noviça Rebelde”, com toda a família von Trapp desenhada; revistas japonesas, pra quem gosta de ver figurinhas (ou será que alguém lá na Farm domina o idioma?!); a Bíblia da moda em inglês, e a papisa Chanel em capa dura. Tem espaço até prum elefante africano!

No fundo, dá pra ver até a “praia” da janela. Lá perto, um painel florido enfeita uma parede.

E do outro lado, no tal ambiente azul, tem uma cadeira de ferro que lembra (mas nem precisava) que isso aqui é um pouquinho de Brasil, iaiá. A prancha de surfe mais bonita do mundo deixa a gente com vontade de aprender a surfar, só pra usar uma igual. Tem ainda um manequim, baianas pintadas na madeira, lembranças de Trancoso e carretéis. Além da sensação reforçada de que realmente poderia ser um lar, doce lar!

Semana que vem a gente continua nossa viagem pela Farm, combinado?! Quem perdeu a primeira escala é só vir aqui e recuperar o tempo perdido!

Comentários