Ir para conteúdo

O oásis da Alice

Fotos:
|
Texto: RIOetc

[Mariana Santos]

Longe da movimentação de Ipanema, num apartamento térreo de fundos, se encontra o pequeno Oásis de Alice Autran Garcia, editora de moda da Revista O Globo e responsável por entrar no armário de personalidades.Pedimos licença e entramos no seu apê, onde fomos muito bem recebidos com um chá gelado numa tarde quente do verão carioca.

Originalmente ateliê de uma amiga, Alice nunca escondeu o seu amor pelo apartamento. “Eu dizia para ela ‘Um dia eu vou morar aqui.’”Até que sua amiga resolveu alugar o apartamento temporariamente e Alice não perdeu a oportunidade. Há um ano e meio. E ela foi ficando. Da moradora original ficaram apenas alguns móveis mais pesados, Alice “só trouxe o recheio”.

Filha de pai diplomata e de mãe jornalista que virou decoradora, Alice nasceu em Brasília e já morou em Nova Iorque, Washington, Paris, Barcelona, Milão e Madrid. Sua criação, experiências e andanças pelo mundo ficam evidentes nos objetos que compõem a decoração do seu apartamento, incrementada com motivos tupiniquins. Objetos sentimentais (como um vaso que pertenceu à sua avó e o globo de iluminação dos anos 60 dos seus pais) dividem o espaço com itens colecionados pelo mundo e artes presenteadas por amigos. Eles se reúnem como em uma exposição sobre a sua vida: tudo conta uma história e carrega um pouco de cada lugar e pessoa.

A sala de estar se divide com a cozinha, onde Alice abriga o seu arsenal de chás. De suas viagens, além dos artigos de decoração, Alice também traz velas, chás e especiarias. Na sala, a trilha sonora é emprestada de amigos, com folk, disco e mantras em ritmo de dub. Do Kama Sutra versão cordel em cima da cama aos abacaxis de contas na cabeceira, famosos na novela “Avenida Brasil”, os detalhes do quarto chamam atenção. No closet, organização impecável – o segredo para manter a ordem em pequenos ambientes.

As extremidades do apartamento, duas áreas externas contornadas por ladrilhos originais de Burle Marx, iluminam e ventilam o espaço, e dão um clima de casa ao apartamento. Passando pela sala de estar e seguindo pelo quarto, na área externa maior é possível contemplar o céu azul e as nuvens que antecipam a chuva de verão. É hora de partir.

Na casa da Alice tudo se une em uma só história, um shabby chic brasileiro com influências globais. “Sem minimalismo, mas com alma.”

Fotos: Tiago Petrik

 

Comentários