Ir para conteúdo

Mana Vegan, vegano pra nem carnívoro botar defeito

Fotos:
|
Texto: RIOetc

0M4A9519 copy0M4A9476 copy0M4A9529 copy0M4A9552 copy 0M4A9485 copy 0M4A9488 copy 0M4A9503 copy 0M4A9511 copy  0M4A9520 copy 0M4A9527 copy

Fotos: Victor Ronccally

[Vivian Melchior]

Aviso aos carnívoros ferrenhos: não desistam deste texto! Vocês vão terminar de ler satisfeitos e querendo experimentar tudo o que tem direito da Mana Vegan, delivery de produtos veganos. Ah, e para os vegans de plantão: preparem-se!

O serviço de entrega, que começou há um mês, surgiu de duas motivações da Julha Gameiro, dona da empresa: o feminismo e o veganismo. “Em fevereiro tive a ideia da Mana Vegan. Foi quando eu entendi que eu tinha motivações – que são diferentes de interesses. Por exemplo, você pode se interessar por política ou moda, mas o que me motiva nesse momento da vida é o feminismo e o veganismo”, conta. Pensou, portanto, como poderia ajudar – não só a ela própria – mas também a outros veganos por tabela. “Cheguei na ideia do mercado delivery, que nessa época ainda não tinha nenhuma loja vegana no Rio. A questão era: ah, quero fazer um bolo… Precisava ir em milhões de lugares pra achar os ingredientes. Sempre foi uma missão e acabava sendo caro. Meu sonho era tudo em um lugar só”, explica.

Dito e feito! A empresa começou do zero (apenas com um investimento de 36 reais para os adesivos) e todo o resto foi conquistado na luta. Julia pediu para o namorado fazer a identidade visual, estudou sobre mídias sociais e botou a mão na massa com a parte administrativa. Contratou um serviço terceirizado para entregas de bike, feito só por meninas. A ideia é trabalhar só com mulheres – ou Manas, como ela chama – e dar cada vez mais oportunidades para elas no mercado de trabalho.

Nesse domingo já tem mais um evento: churrascão da Mana Vegan no House of Food. Tem salsichão, espetinho de carne vegetal, pão de alho com linguiça, costelinha e cerveja. Já deu água na boca? Então não esquece que é tudo sem carne, feito com a mais pura intenção de deixar os carnívoros bolados. Ou, como explica Julha, “fazer com que as pessoas considerem o veganismo”.

O atendimento é feito pela internet e o centro de distribuição é em Copacabana. Já entregam no Centro, Tijuca e Zona Sul inteira. Em breve, a Mana Vegan pretende expandir os serviços para Niterói, Zona Norte, Barra e Recreio. Além disso, ja já vai lançar o “Mana Lab”, onde a Julha pretende fazer pesquisas gastronômicas. Nessas experiências, já rolou Sashimi, Hot Filadéfia e Ostra Vegan – tudo com carne de coco e gosto idêntico! Nesse domingo, o lançamento são as costelas de cogumelo, nuggets e gurjão de frango. Não sei quanto a vocês, mas eu já tô com fome!

 

 

 

 

 

Comentários