Rio de Janeiro, 15|02|17

_DSC4354 copiar_DSC4045 copiar _DSC4068 copiar _DSC4088 copiar _DSC4128 copiar _DSC4221 copiar _DSC4226 copiar _DSC4230 copiar _DSC4256 copiar _DSC4260 copiar _DSC4268 copiar _DSC4271 copiar _DSC4287 copiar _DSC4311 copiar _DSC4333 copiar 

Fotos: Juliana Rocha

[Vivian Melchior]

Rua Lopes Quintas, Jardim Botânico. Subindo uma das ruas perpendiculares, a penúltima casa. Entrei, sentei na sala e fui servida com um café  impecável: desde a bandeja, feita de cerâmica, até as xícaras – claro, sem falar do gosto. A partir daí, comecei a reparar em tudo: as janelas abriam pro verde do alto do Jardim Botânico – onde tudo é mais friozinho. Ao mesmo tempo, a luz do sol esquentava a sala que, por sua vez, abriga os quadros – verdadeiros protagonistas desta história.

Esse lugar mágico – nem galeria, nem casa, mas ao mesmo tempo os dois – é a Quadra, um espaço que visa aproximar a arte de seus compradores. A ideia surgiu com a Marcela Setton e o Bernardo Boni, ambos designers. “Eu via um gap muito grande entre querer decorar uma casa com quadros legais e os preços dessas obras. Nunca tive nem coragem de entrar em uma galeria com esse intuito”, conta Marcela. O objetivo é que seja acessível e não mais impossível de decorar sua parede com obras de arte – principalmente para quem acabou de se mudar, segue na luta do sustento, mas quer a casa bonitinha (quem nunca?).

A casa, além de hospedar o showroom da Quadra, também cede seu espaço para um estúdio de tatuagem, do Bernardo. A Marcela, portanto, está começando a comandar sozinha o negócio. A curadoria é pra ninguém botar defeito e, como você pode ver nas fotos, são diversos trabalhos (ao todo, 19 artistas) de nomes como Mateu Velasco, Alexandre Baltazar, Marina Zilbersztejn, Maria Cherman, Luana Fortes e outros. “A nossa linha curatorial busca 4 aspectos: 1) se a obra nos atinge ou traz inquietude; 2) se há algum apreço estético; 3) se o trabalho do artista é consistente (considerando o conjunto); e 4) se vai conversar com o nosso público e com os outros artistas que escolhemos”, explica Marcela. A empresa, sendo filha de designers, é claro que teria esse diferencial. Além de tudo ser milimetricamente pensado, a parte gráfica é tão primorosa quanto – vai do site ao cartão de visitas deles. A Quadra caminha nessa dualidade: serviço exclusivo e acessível.

Além de poder visitar com hora marcada no showroom (garanto um ótimo atendimento), você também pode encontrar todas as obras no site – e comprar online. O email pra marcar é esse aqui, mas qualquer coisa pode mandar um inbox ou direct. A Marcela – e um café delicioso – te esperam lá ;)